PUBLICIDADE
Brasil França Portugal Espanha Suiça francesa Suiça alemã Suiça italiana Italia
Registre-se | Conectar:
TwitterCriasaude no TwitterErrorAviso de errosPrintImprimir

Café ajuda e reduzir a pressão arterial

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

GENEBRA O café aumenta a pressão arterial no momento da ingestão, mas diminui ao longo do tempo, constataram pesquisadores suíços. Nossa reação à cafeína, porém, é em grande parte determinada geneticamente e este conselho só se aplica para os não fumantes.

Uma xícara de café por dia reduz a pressão arterial em até 9 milímetros, indicou terça-feira passada (24/04) o Fundo Nacional Suíço (FNS), que apoiou  este estudo liderado pela equipe de Murielle Bochud, o CHUV, em Lausanne (Suíça). Isso reduz, portanto, o risco de ataque cardíaco ou derrame.

A cafeína é conhecida por aumentar em curto prazo a pressão sanguínea, mas em longo prazo, tem o efeito oposto. Parece como fazer jogging: durante a corrida, a pressão arterial aumenta, mas a prática regular protege dos danos cardiovasculares, disse o FNS.

Idris Guessous e seus colegas de Hospitais Universitários de Genebra compararam a pressão arterial e a bagagem genética de mais de 16.000 pessoas com seu consumo de café. Foi descoberto que existe uma correlação entre as diferentes variantes do gene CYP1A2 e da intensidade de consumo de café. Isto é largamente determinado ao nível genético.

O gene CYP1A2 codifica a proteína que desempenha um papel na degradação da cafeína no fígado. As pessoas que herdaram uma variante poderosa desta proteína tendem a consumir mais café. Eles também têm uma pressão arterial média inferior a pessoas com uma variante menos potente, de acordo com o trabalho publicado na “Human Molecular Genetics”.

Além disso, o aumento do consumo de café para reduzir a pressão arterial só se aplica aos não fumantes. Na verdade, o cigarro aumenta a atividade de proteína CYP1A2 e acelera a degradação da cafeína no fígado em pessoas que estão equipadas com a variante menos eficiente da proteína. “O fumo mascara o efeito protetor do café”, conclui Idris Guessous no comunicado.

Criasaude.com.br: 01 de maio de 2012

Observação da redação: este artigo foi modificado em 02.07.2013.
Controllo di qualità
Última atualização:
02.07.2013

Revisão médica da página:
Atualização (design, fotos, animações):


Correção de sintaxe, ortografia e gramática:



PUBLICIDADE

Comentários

28.07.2014 20:33
Re: Café ajuda e reduzir a pressão arterial
Nossa, faz tempo que estou tendo crise de pressão baixa,quedas constantes.Medi a pressão deu 8,3,agora estabilizou em 9,6,agora sei pq tomo muito café ao longo do dia.

Estou tomando Efortil para subir a pressão por prescrição medica.

Sempre tive baixa,mas agora tava na casa de 8,3.....vou diminuir a quantidade....choquei...rsrsr
Patrucua
12.07.2014 16:22
Re: Café ajuda e reduzir a pressão arterial
Tenho observado essa queda de pressão em mim a muitos anos. Agora vejo que minha observação estava correta. Tomo café e me da sono.

Q
Dario
26.06.2014 23:55
Re: Café ajuda e reduzir a pressão arterial
Sempre que tomo café fico sonolenta e de uns tempos para cá resolvi medir minha pressão quando sentia essa sonolência e vi que era pressão baixa. Como tenho o café como um momento de relaxamento, pensei que a sonolência fosse propiciada por isso, mas não, é a pressão que realmente baixa. Que bom saber dessa pesquisa, pois o que vemos na internet são apenas informações dizendo que a pressão aumento.
Luma Rosa
Adicionar um comentário

Quickinfos top

Temas



Inscrição Newsletter


IMC

NOTÍCIAS

Expectativa de vida no Brasil aumentou, diz ONU

Brasil aumentou em 11,2 anos a expectativa de vida entre 1980 e 2013. País está na 79ª posição do IDH.

Perda de peso pode ajudar a melhorar os sintomas da menopausa

As ondas de calor são características da menopausa. Recente estudo divulga que a perda de peso pode ajudar no controle desses sintomas.

_________________________

Facebook

  

______________________

    farmavagas.com.br

Inscreva-se gratuitamente na nossa newsletter !

© Criasaude.com.br


Última atualização do site: 29.07.2014