PUBLICIDADE
Brasil França Portugal Espanha Suiça francesa Suiça alemã Suiça italiana Italia
Registre-se | Conectar:
TwitterCriasaude no TwitterErrorAviso de errosPrintImprimir

Tratamento hemorroidas

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Tratamento hemorroidasAntes de iniciar tratamentos específicos para as hemorroidas, você pode começar a tomar um analgésico, por exemplo, de paracetamol, para acalmar a dor. Esse medicamento é particularmente eficaz e aconselhado em caso de crise hemorroidal. Além disso, é importante evitar a constipação (fezes resecadas ou infrequentes), pois pode causar sangramento ou fissura retal/anal e aumentar o risco de desenvolver novas hemorroidas problemáticas.

Os tratamentos medicamentosos não levam a cura e sim alívio dos sintomas. A cura da dilatação das hemorroidas só é possível através de processo cirúrgico.

O tratamento dos sintomas da crise hemorroidal interna e externar são praticamente o mesmo, o que muda é a forma de administração. Nas hemorroidas internas são utilizados supositórios, já nas externas podem ser utilizados cremes, pomadas, géis, lenços medicinais e banho de assento. Comprimidos, tratamentos minimamente invasivos e cirurgias podem ser utilizados em ambos os casos.

Pomadas hemorroidas- anestésicos (ex. lidocaína)  ou hidrocortisona em forma de creme, pomada, gel ou supositório: ajudam a aliviar temporariamente a dor, inflamação e coceira. Mas a hidrocortisona não deve ser utilizada por mais de 1 semana seguida, a não ser sob orientação médica.

-
 medicamentos venotônicos: comprimidos à base de plantas como o 
hamamélis, e diferentes preparações à venda nas farmácias.

- medicamentos a base de flavonoides ( diosmina e hespiridina): diminui o risco de sangramentos e dor. Em menos da metade dos casos também diminui a coceira e a reincidência. A serem tomados durante a crise hemorroidal 6 vezes ao dia, por 3 a 4 dias.

- Banhos de assento com ou sem plantas medicinais( ex.
hamamélis).  Devem ser feitos com água quente, durante 10 a 15 minutos, de 2 a 3 vezes por dia.

Tratamentos minimamente invasivos

- ligadura elástica: utilizada em casos de hemorroidas internas, em 70 a 80% dos pacientes é bem sucedida. Uma ligadura ou anel é colocado ao redor da base de uma hemorroida interna, restringindo o fluxo sanguíneo, causando a diminuição e degeneração das hemorroidas por vários dias.

- laser, infravermelho ou coagulação bipolar: Estes métodos utilizam laser, luz infrevermelha ou calor para destruir hemorroidas externas.

- escleroterapia: uma solução química é injetada nos tecidos da hemorroida


Ressaltamos que existem também outras possibilidades de tratamento para as hemorroidas, principalmente para os casos de hemorroidas externas que resistem aos tratamentos medicamentosos e minimamente invasivos. Tratam-se principalmente de tratamentos cirúrgicos (operações). Fale com o seu médico, para que ele lhe informe melhor sobre o tratamento mais apropriado para o seu caso.


De acordo com o proctologista Dr. Marcon, entrevistado pelo Criasaude, a escolha de uma técnica operatória “
é determinado por uma conjunção de fatores como: tamanho e extensão das hemorroidas, localização, condições locais e de saúde, hábitos do paciente. De maneira geral, nenhuma técnica é a IDEAL, afinal todas apresentam taxas de incomodo, dor ou complicações pós-operatórias”. O Dr. Marcon ainda lembra que as hemorroidas externas de maneira geral, têm como único tratamento a ressecção (retirada) do excesso de pele.


Os tratamentos cirúrgicos costumam causar dor após a cirurgia (pós-operatório). As técnicas não invasivas existem há poucos anos e oferecem menos riscos de complicações e são muito menos dolorosas, como o THD (dearterialização hemorroidária transanal guiada por Doppler). Essa técnica, no entanto, não se aplica a todos os pacientes. Consulte seu médico.


Ler a seqüência: fitoterapia hemorroidas - plantas medicinais hemorroóidas

 

Ultimas mensagens do fórum hemorroidas

Última mensagem

Faça também SUAS PERGUNTAS NO FÓRUM HEMORROIDAS


author Observação da redação: este artigo foi modificado em 16.11.2012.
Controle de qualidade
Última atualização:
16.11.2012

Revisão médica da página:
Atualização (design, fotos, animações):


Correção de sintaxe, ortografia e gramática:


Ver também

PUBLICIDADE

Quickinfos top

Temas



Inscrição Newsletter


IMC

NOTÍCIAS

Extrato de espinafre diminui vontade de comer e ajuda na perda de peso

Um extrato de espinafre contendo membranas de folhas verdes diminui a fome hedônica em até 95%, e aumenta a perda de peso com 43%.

Junk food, gota e raquitismo em alta no Reino Unido

Especialistas alertam para o crescimento do consumo de junk food e doenças relacionadas, como gota e obesidade.

_________________________

Facebook

  

______________________

    farmavagas.com.br

Inscreva-se gratuitamente na nossa newsletter !

© Criasaude.com.br


Última atualização do site: 17.09.2014