PUBLICIDADE
Brasil França Portugal Espanha Suiça francesa Suiça alemã Suiça italiana Italia
Registre-se | Conectar:
TwitterCriasaude no TwitterErrorAviso de errosPrintImprimir

Causas gota

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

gota causasA gota pode ser classificada em primária e secundária. A forma primária não tem suas causas bem definidas e, ao que parece, fatores genéticos estão envolvidos causando hiperuricemia (também conhecido como gota idiopática). Na forma secundária, diversos fatores podem contribuir para suas causas como doenças hemolíticas (anemias, talassemia), tumores, insuficiência renal, obesidade, dieta, uso de medicamentos (anti-hipertensivos), etc.

No geral, gota é resultado de uma taxa elevada de ácido úrico no sangue (hiperuricemia), acima de 7,0 mg/dL, que se deposita sob a forma de cristais de ureato de cálcio na região das articulações, entretanto, os níveis elevados não são suficientes para causar as crises, uma vez que muitas pessoas apresentam hiperuricemia, mas não têm a doença.

A elevação deste composto pode ser devida a deficiências bioquímicas que aumentam sua produção. Os defeitos genéticos que causam esse desbalanço ainda não são bem conhecidos, entretanto, algumas causas estão definidas, como:

- a deficiência parcial de hipoxantina-guanina fosforribosiltransferase (HGPRT) (enzima que catalisa a síntese de recuperação de IMP e GMP),

- atividade aumentada de PP-ribose-P sintetase,

- a deficiência na modulação da aminotransferase.

O ácido úrico também pode se manter elevado no sangue por incapacidade de excreção pelos rins. Estilos de vida também estão relacionados com o surgimento da doença, principalmente questões alimentares, uma vez que cerca de 20% do ácido úrico do corpo vem da alimentação. O consumo excessivo de produtos como feijão, carnes, grão de bico e frutos do mar com casca (camarões, lagostas e mariscos) aumentam os níveis de purinas no corpo, que são transformadas em ácido úrico. O álcool também deve ser evitado uma vez que reduz a excreção dessa substância. A cerveja, em particular, pode piorar as crises de gota uma vez que, além do álcool, possui cevada, um cereal que possui purinas que causam hiperuricemia.

Pesquisas recentes também têm mostrado que o consumo excessivo de refrigerantes e sucos industrializados adoçados aumentam a probabilidade do desenvolvimento da gota, inclusive em mulheres. Isso pode ser devido ao aumento da resistência à insulina e acumulo de gordura na região abdominal. A tomada de determinados medicamentos (aspirina, diuréticos) pode também favorecer o aparecimento da gota.

Diabetes: Sabe-se que altos níveis de insulina no sangue podem levar a níveis elevados de ácido úrico, sendo essa a ligação entre diabetes e gota.

Hipertensão

Ler a sequência: sintomas gota

Leia também: tratamentos para gota - dicas de dieta para gota

Ultimas mensagens do fórum gota

Última mensagem

  • Artrite gotosa tornozelo (23.06.2014)

    Estou tendo crise de artrite gotosa no tornozelo do pé direito. Sou hipertenso e gostaria de saber se existe algum anti-inflamatório que não altere minha pressão arterial ´pois já sofri aumento considerá
  • Excesso de queimação com alopurinol (20.05.2014)

    Meu médico receitou alopurinol 100mg após o almoço, mas sinto uma queimação como se fosse uma azia que nunca passa, desde a garganta até o estomago. Como posso diminuir o efeito colateral de excesso que quei
  • Gota (07.03.2014)

    Sou hiperuricêmico. Já tive inúmeras crises de Gota. A crise mais recente ocorreu há cerca de 30 dias. Afetou o pé esquerdo por inteiro e em seguida o joelho. Fui medicado com Ibuprofeno e colchicina. Após 12

Faça também SUAS PERGUNTAS NO FÓRUM GOTA


author Observação da redação: este artigo foi modificado em 20.05.2014.
Controle de qualidade
Última atualização:
20.05.2014

Revisão médica da página:
Atualização (design, fotos, animações):


Correção de sintaxe, ortografia e gramática:


Ver também

PUBLICIDADE

Quickinfos top

Temas



Inscrição Newsletter


IMC

NOTÍCIAS

5 informações essenciais sobre o infarto cardíaco em mulheres

Conheça 5 informações importantes sobre o risco de infarto do coração em mulheres.

Carência de vitamina D associada ao mal de Alzheimer

Estudo aponta que a carência vitamina D, produzida ao se tomar sol, pode causar o mal de Alzheimer.

_________________________

Facebook

  

______________________

    farmavagas.com.br

Inscreva-se gratuitamente na nossa newsletter !

© Criasaude.com.br


Última atualização do site: 27.08.2014