Brasil França Portugal Espanha Suiça francesa Suiça alemã Suiça italiana Italia
Registre-se | Conectar:
TwitterCriasaude no TwitterErrorAviso de errosPrintImprimir

Medicamentos contra o tabagismo

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Existem diferentes alternativas que podem ser utilizadas para parar de fumar.

Mas é importante ressaltar que para que o resultado seja positivo, a primeira condição é a força de vontade do fumante em se tornar um ex-fumante.

Em automedicação, podem ser utilizados os substitutos da nicotina em forma de goma de mascar, comprimidos sublinguais, comprimidos para chupar ou adesivos.

Em primeiro lugar, é necessário determinar a quantidade de cigarros fumados por dia e os hábitos do fumante.

- Se a pessoa fuma de maneira pontual, as gomas de mascar são os susbtitutos nicotínicos ideias. O fumante irá mascar um chiclete assim que sentir vontade de fumar. Por outro lado, se ele fumar o dia todo, os adesivos são mais recomendados, pois eles suprem a necessidade diária.

- Se a pessoa fuma menos de 20 cigarros por dia, recomenda-se a menor dosagem.

Se a automedicação não for suficiente, é possivel pedir uma prescrição médica de bupropiona (Zyban®) ou de vareniclina (Champix®). Estes medicamentos requerem uma consulta médica, pois o médico deverá determinar se existem contra-indicações, cujas mais graves são o humor depressivo e o pensamentos suicida. Estes medicamentos devem ser evitados por pessoas depressivas assim como pessoas que sofrem de doenças psiquiátricas.

Você deve saber que as drogas (bupropiona e vareniclina) em conjunto para parar de fumar têm eficácia superior do que uma única dose de cada medicamento. Converse com seu médico. Alguns médicos ainda associam um antidepressivo da classe ISRS na terapia para parar de fumar, especialmente se o paciente sofre de depressão (sintoma de abstinência possível após a cessação de fumar).

Notas sobre a medicação (bupropiona nicotina, ou a vareniclina)

Todos esses tratamentos com drogas não funcionam 100%, porque alguns indivíduos terão recaídas (parar de fumam e depois retornam ao hábito), outros não vão simplesmente parar mas alguns irão parar de fumar definitivamente.

Estudos têm demonstrado que o uso de medicação para deixar de fumar foi mais eficaz do que não realizar nenhum tratamento medicamentoso: a taxa de sucesso foi maior. Estes três medicamentos (bupropiona, nicotina ou a vareniclina) para a cessação tabágica também mostraram uma eficácia um pouco maior em relação aos pacientes que tomaram placebo.

Note, no entanto, que tomar medicação para parar de fumar é apenas um elemento de sucesso para deixar de fumar definitivamente. Outros aspectos, tais como o aspecto psicológico ou cognitivo são também muito importantes. Por exemplo, algumas pessoas vão sempre desejar um cigarro enquanto bebem café, como fazer para "bloquear" essa associação no cérebro? Os medicamentos nem sempre podem remover esse desejo, outras terapias devem ser consideradas.

Alguns profissionais de saúde ou agências especializadas no tabaco lhe trarão dicas valiosas.

É também possível complementar o tratamento do tabagismo com métodos naturais, para amenizar os sintomas (nervosismo, distúrbios do sono). Veja a seção "métodos alternativos: Fitoterapia"

Algumas alternativas podem ser: terapia de grupo, acupuntura, cigarro eletrônico ou ainda a hipnose.

Na homeopatia, é possível fazer grânulos gelsemium 9CH, na razão de 3 grânulos de 2 a 3 vezes por dia. Esses grânulos devem ser colocados sob a língua, e devem ser tomados em jejum.
Os óleos essenciais também são muito eficazes no tratamento do tabagismo.

De difusão atmosférica, algumas gotas de óleo essencial de tangerina vão te acalmar e relaxar, e te libertar de sua ansiedade, sua irritabilidade.

Sempre tem o óleo essencial de lavanda que você pode aplicar em seus pulsos para respirar com frequência. Seu efeito relaxante é comprovado.

Ler a seqüência: fitoterapia para parar de fumar

Ultimas mensagens do fórum parar de fumar

Última mensagem

Faça também SUAS PERGUNTAS NO FÓRUM PARAR DE FUMAR


author Observação da redação: este artigo foi modificado em 28.03.2014.
Controle de qualidade
Última atualização:
28.03.2014

Revisão médica da página:
Atualização (design, fotos, animações):


Correção de sintaxe, ortografia e gramática:


Ver também
PUBLICIDADE

Quickinfos top

Temas



IMC

NOTÍCIAS

Brasil tem cerca de 40% da população com alguma doença crônica

De acordo com pesquisa do Ministério da Saúde e IBGE, Brasil tem cerca de 40% da população com doença crônica.

10 dicas para perder a barriga

O Criasaude fez uma lista com dicas para você secar a barriga antes do verão.

_________________________

Facebook

  

______________________

    farmavagas.com.br



© Criasaude.com.br


Última atualização do site: 21.12.2014