PUBLICIDADE
Brasil França Portugal Espanha Suiça francesa Suiça alemã Suiça italiana Italia
Registre-se | Conectar:
TwitterCriasaude no TwitterErrorAviso de errosPrintImprimir

Tratamento cólera

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

O tratamento inicial consiste em fornecer ao paciente os líquidos e sais minerais perdidos na diarréia. A reidratação pode ser feita por uma solução oral contendo glicose. A composição recomendada pela Organização Mundial da Saúde é a seguinte (quantidades a serem dissolvidas em 1 litro de água filtrada):

Cloreto de sódio

2,6 g

Citrato trissódico diidratado

2,9 g

Cloreto de potássio

1,5 g

Glicose anidra

13,5 g

Você deve saber que, com a rápida reidratação, a taxa de mortalidade pela cólera é inferior a 1%.

Outra medida, dependendo do grau de desidratação, é a reidratação parenteral com solução de Ringer lactato.

antiboticos coleraPara formas graves da doença, além da reidratação, é necessário antibioticoterapia que, quando iniciada nas primeiras 24 horas da doença, diminui a duração da diarréia e, portanto, a perda de sais e líquidos. Os antibióticos comumente empregados são a tetraciclina, doxiciclina, norfloxacina, ciprofloxacina e furazolidona e seu uso deve ser monitorado por um médico.

Medicamentos antidiarréicos são contra indicados no caso de cólera, uma vez que diminuem os movimentos peristálticos do intestino e propicia a multiplicação do V. cholerae

Existem em farmácias envelopes contendo as quantidades corretas de sais e açúcar para se preparar uma solução de reidratação. O conteúdo do envelope deve ser dissolvido em 1 litro de água fervida, após seu resfriamento e pode ser conservada em geladeira por até 1 dia. No caso de lactentes, a amamentação deve ser mantida. 

Na maioria dos casos, a recuperação é rápida e a reidratação é suficiente para tratar o paciente.

Pesquisas têm mostrado que suplementos contendo o elemento zinco ajudam a diminuir a intensidade e duração das diarréias, sobretudo em crianças.

Vacina contra a cólera

Atualmente, existe vacinas contra a cólera. Estas vacinas não são 100% eficazes, estima-se que a sua eficácia seja de cerca de 70%. A vacinação deve ser repetida mais vezes, porque a duração do seu efeito é geralmente de 6 meses. Note também que algumas cepas de V. cholerae não tem vacina.

A vacinação não deve substituir as medidas preventivas.

A vacinação não é recomendada em viajantes, mesmo aqueles que visitam áreas de risco (salvo exceção médica).

Ler a seqüência: dicas da cólera


author Observação da redação: este artigo foi modificado em 21.11.2012.
Controle de qualidade
Última atualização:
21.11.2012

Revisão médica da página:
Atualização (design, fotos, animações):


Correção de sintaxe, ortografia e gramática:


Ver também

PUBLICIDADE

Quickinfos top

Temas



Inscrição Newsletter


IMC

NOTÍCIAS

Perda de peso pode ajudar a melhorar os sintomas da menopausa

As ondas de calor são características da menopausa. Recente estudo divulga que a perda de peso pode ajudar no controle desses sintomas.

Ministério da Saúde atinge meta de vacinação contra gripe

Até o momento, 84% do público-alvo já foi vacinado contra gripe. Campanha ainda continua em muitos municípios.

_________________________

Facebook

  

______________________

    farmavagas.com.br

Inscreva-se gratuitamente na nossa newsletter !

© Criasaude.com.br


Última atualização do site: 25.07.2014