Brasil França Portugal Espanha Suiça francesa Suiça alemã Suiça italiana Italia
TwitterCriasaude no TwitterErrorAviso de errosPrintImprimir

Tratamento infecção urinária

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

tratamento das infecções urinárias O tratamento das infecções urinárias visa principalmente à eliminação dos agentes causadores do trato urinário. Os antibióticos são normalmente prescritos no tratamento da doença. No caso de infecções simples, os antibióticos comumente usados sã sulfametoxazol-trimetoprima, amoxicilina, ampicilina e antibióticos da classe das quinolonas (ciprofloxacino, norfloxacino e levofloxacino). Algumas alternativas sã cefalosporinas de 1ª e 3ª gerações (cefalexina, cefadroxil, cefixima etc), ácido pipemídico e nitrofurantoína.

Os sintomas normalmente desaparecem nos primeiros dias do tratamento, mas é necessário prosseguir com todo o tratamento até o final. O médico pode também receitar um analgésico no caso do paciente sentir dor, antipirético, no caso de febre, antiespasmódicos ou ainda antiinflamatórios.

A fosfomicine é um fármaco particularmente útil no tratamento de cistites, uma vez que um só comprimido pode curar a doença, além de possuir alta especificidade e perfil de resistência bacteriana menor quando comparado com quinolonas. No caso de infecções urinárias freqüentes, o tempo de tratamento é normalmente maior.

Os antimicrobianos de escolha para o tratamento de infecção urinária complicada sã as fluoroquinolonas, cefalosporinas de 2ª e 3ª geração, penicilinas sintéticas com inibidores da betalactamase (como a associação amoxicilina + cácido clavulânico) e aminoglicosídeos (estreptomicina, apramicina etc). Em casos clinicamente graves ou na falha inicial após um a três dias de tratamento, devem-se utilizar drogas anti-Pseudomonas, exceto as fluorquinolonas, com internação e tratamento intravenoso.

Quando o agente causador é um fungo, as drogas normalmente usadas são o fluconazol. A anfotericina B é usada quando não há resposta ao fluconazol. O cetoconazol não é indicado para infecções urinárias fúngicas.

É importante que o tratamento com antibióticos e antifúngicos seja criteriosamente selecionado uma vez que as bactérias podem tornar-se resistentes. O controle do tratamento deve ser feito por análise da urina. O uso de antibióticos como uso profilático é de uso limitado.

Ler a sequência: fitoterapia das infecções urinárias - dicas infecções urinárias

Ler também: antibióticos - amoxicilina


LER TAMBEM - CRIASAUDE

PUBLICIDADE
author Observação da redação: este artigo foi modificado em 11.05.2013.
Controle de qualidade
Última atualização:
11.05.2013

Revisão médica da página:
Atualização (design, fotos, animações):


Correção de sintaxe, ortografia e gramática:


Ver também

Google search 2015


Loading

Quickinfos top

Temas



IMC

NOTÍCIAS

Excesso de vitamina B12 pode causar acne

Estudo recente relaciona excesso do consumo de vitamina B12 ao aparecimento da acne.

O perigo da gordura trans para a saúde

Entenda o que são as gorduras trans e o perigo que elas representam para a saúde.

_________________________

Facebook

  

______________________

    farmavagas.com.br




© Criasaude.com.br


Última atualização do site: 29.06.2015