Registre-se | Conectar:
PUBLICIDADE
Brasil França Portugal Espanha Suiça francesa Suiça alemã Suiça italiana Italia
TwitterCriasaude no TwitterErrorAviso de errosPrintImprimir

Tratamentos câncer de mama

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Os tratamentos para o câncer de mama são definidos de acordo com o tipo e grau de evolução do tumor, bem como se o tumor é sensível a hormônios e outros aspectos que possam ajudar na melhora da saúde do paciente.

Estratégias cirúrgicas

Os procedimentos cirúrgicos para o câncer de mama incluem:

- Lumpectomia: nessa cirurgia, é removido o tumor e parte do tecido ao redor da massa tumoral. A lumpectomia é reservada para tumores pequenos e que são facilmente separados do resto do tecido.

- Mastectomia parcial e quadrantectomia: esta cirurgia remove mais tecido ao redor do tumor que a lumpectomia. Na quadranctomia, remove-se ¼ da mama.

- Mastectomia total: nessa cirurgia, remove-se todo o tecido da mama com o tumor. A mastectomia pode envolver a retirada de todo o tecido da mama (tecido gorduroso, ductos, pele, aréola e mamilos) ou também retirada do tecido muscular sob a mama, juntamente com linfonodos axilares.

- Remoção de linfonodos: o câncer de mama pode, por vezes, se espalhar para os linfonodos. O cirurgião determinará se um ou mais linfonodos axilares necessitam ser removidos para evitar que o câncer se espalhe para outros órgãos.

As cirurgias podem ter complicações inerentes à técnica, como sangramentos e infecções.

No caso da remoção total da mama, as mulheres podem optar por reconstrução após a cirurgia. As opções incluem reconstrução com implantes sintéticos ou com o próprio tecido da paciente.

Radioterapia

A radioterapia usa raios altamente energéticos para matar as células do câncer. Normalmente, emprega-se grandes máquinas para lançar radiação na região afetada, entretanto, a radiação pode ser administrada colocando-se um material radioativo dentro do corpo do paciente (braquiterapia).

Radiação externa é normalmente usada após a lumpectomia para cânceres que estão em estágio inicial. Médicos também podem recomendar a radioterapia para a mastectomia total de cânceres que estão em estágio avançado.

Os médicos estão usando cada vez mais testes genéticos para identificar o grau de agressividade do tumor, alguns testes podem identificar até 70 genes, para escolher o tratamento mais adequado em casos de câncer de mama.

Por exemplo, após a cirurgia, o médico pode executar um teste genético para decidir realizar ou não a quimioterapia.

Quimioterapia

Na quimioterapia, utilizam-se medicamentos para matar as células tumorais. Se o câncer tem alta chance de recidiva ou de se espalhar para outras partes do corpo, o médico pode indicar a quimioterapia após a cirurgia de remoção do tumor para diminuir as chances de complicação.

Às vezes medicamentos são administrados antes da cirurgia de tumores grandes, sendo esse procedimento chamado de quimioterapia neoadjuvante. O objetivo desse tratamento é diminuir o tamanho do tumor, tornando sua remoção mais fácil.

A quimioterapia também é indicada para pacientes com metástase.

- Hormonioterapia: esse tipo de tratamento é indicado para tumores que são sensíveis a hormônios femininos: estrógeno e progesterona. Medicamentos dessa classe sã medicamentos que impedem que os hormônios se liguem às células tumorais (tamoxifen); medicamentos que interrompem a produção de estrógenos após a menopausa (inibidores de aromatase como anastrozol, letrozol e exemestano); cirurgia ou medicamentos que interrompem a produção de hormônios pelos ovários.

- Drogas-alvo: esses medicamentos são específicos para anormalidades encontradas nas células tumorais como superexpressão de receptores ou proteínas. Alguns deles sã trastuzumabe, bevacizumabe e lapatinibe.

A quimioterapia pode apresentar muitos efeitos colaterais, como perda de cabelo, redução do peso, diminuição da imunidade, alteração de células do sangue, fadiga, problemas gastrintestinais, dentre outros.

Atualmente há testes clínicos para novas drogas que ajam no câncer de mama e causem menos efeitos colaterais. Além disso, testes feitos com a droga ácido zoledrônico têm sido conduzidos para evitar a recorrência do câncer de mama. Outra estratégia é usar combinações dos fármacos já existentes para contornar problemas de resistência apresentados pelas células tumorais. Por fim, pesquisadores têm estudado a eficácia do uso de altas doses de radiação em pequenas porções da mama durante um curto período para mulheres que passaram por lumpectomia.

Ver a seqüência: fitoterapia do câncer de mama

Ultimas mensagens do fórum câncer de mama

Última mensagem

  • Nódulos na mama e Colpotrofine (26.03.2014)

    Podes-se usar colpotrofine quem retirou nodulos mamários benignos? Essa pomada reverte totalmente o quadro de atrofia vaginal severa?   Grata.
  • Mamografia, qual a melhor idade? (24.02.2014)

    Acho que o grupo pode se interessar por essa discussão, no Estadão: http://blogs.estadao.com.br/pilulas/mamografia-anual-antes-dos-60-anos-nao-reduz-mortalidade-por-cancer-diz-estudo/  
  • Mamografia assimetria de aspectro (17.02.2014)

    O resultado da minha mamografia deu assimetria de aspecto nodular nos quadrantes mediais da mama medindo cerca de 6, 0mm no maior diametro com expressão na incidencia cranio caudal . Marquei o medico para dia  20 mais gostaria de saber se

Faça também SUAS PERGUNTAS NO FÓRUM CÂNCER DE MAMA


author Observação da redação: este artigo foi modificado em 19.12.2013.
Controle de qualidade
Última atualização:
19.12.2013

Revisão médica da página:
Atualização (design, fotos, animações):


Correção de sintaxe, ortografia e gramática:


Ver também

PUBLICIDADE

Quickinfos top

Temas



Inscrição Newsletter


IMC

NOTÍCIAS

8 dicas para manter a forma na Páscoa

A Páscoa é um dos feriados mais importantes no Brasil e ela vem repleta de celebrações e comidas, normalmente muito calóricas.

_________________________

Facebook

  

______________________

    farmavagas.com.br

Inscreva-se gratuitamente na nossa newsletter !

© Criasaude.com.br


Última atualização do site: 17.04.2014