Brasil França Portugal Espanha Suiça francesa Suiça alemã Suiça italiana Italia
TwitterCriasaude no TwitterErrorAviso de errosPrintImprimir

Diabetes

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

diabetes

Introdução sobre diabetes

A diabetes é um grupo de doenças metabólicas caracterizadas pela concentração elevada de glicose (açúcar) no sangue, conseqüência da falta de capacidade do corpo humano em utilizar ou fabricar a insulina. A insulina é um hormônio produzido pelo pâncreas que possibilita a absorção do açúcar pelas células.

A glicose é a principal fonte de energia para o organismo.

Os principais sintomas da diabetes são sede excessiva e micção frequente.

Distinguimos principalmente dois tipos de diabetes: diabetes tipo 1 e diabetes tipo 2 (a mais freqüente -  90% dos casos de diabetes). Ressaltamos que a doença pode também aparecer durante a gravidez, chamada diabetes gestacional, frequentemente revelada entre a 24a e a 28a semana de gravidez.

Estatística sobre diabetes

- De acordo com dados de novembro de 2012, cerca de 371 milhões de pessoas no mundo são diabéticas. Nos Estados Unidos, 8% (cerca de 23 milhões de pessoas) da população é diabética. Estima-se que até 2030, 552 milhões de pessoas no mundo possam ter diabetes [fonte: Federação Internacional de Diabetes, Novembro de 2012].

- Em 2011, a diabetes no mundo gerou para a indústria farmacêutica um montante de 39,2 bilhões dólares americanos (USD), de acordo com a IMS Health. As vendas globais da indústria farmacêutica em 2011 foram de aproximadamente 800 bilhões de dólares americanos. A proporção de diabéticos é de cerca de 5%, mas esta parcela parece ser cada vez maior.  

- Na França, em 2008, foram diagnosticados 2,5 milhões de diabéticos (= 4% da população). Houve um aumento da diabetes na França (sobretudo de tipo 2) na última década, e notamos também algumas diferenças regionais, sendo o Nordeste do país mais afetado do que o Sul ou a Bretanha [fonte: jornal da TF1, 12 de novembro de 2008].

- No Brasil, não existem números exatos mas estima-se que mais de 10 milhões de pessoas sofram de diabetes.

Entrevista sobre diabetes

Entrevista com a nutricionista Natália Mendes de Lima sobre diabetes

Estatística sobre diabetes Criasaude.com.br. Sabemos que a dieta influencia bastante na saúde das pessoas e que muitas doenças são decorrentes de uma má alimentação. Existe alguma maneira de se prevenir o diabetes através dos alimentos que ingerimos ? Como ?
Depende do tipo de diabetes que estamos falando, pois temos 2 tipos, diabetes tipo 1 e diabetes tipo 2. A tipo 1 (Diabetes insulino dependente) geralmente aparece na infância e o corpo produz pouca ou nenhuma insulina. Pessoas com este tipo de diabetes precisam tomar doses de insulina diariamente para sobreviver, e temos como controlar com alimentação. Já a diabetes tipo 2 (Diabetes não – insulino dependente) ocorre na idade adulta, pelo excesso de peso e má alimentação. Então a melhor forma de prevenir a diabetes tipo 2, é se alimentando de forma adequada e praticar atividade física freqüentemente.

Hoje em dia nos supermercados há diversos produtos com os dizeres “light” e “diet” nos rótulos. Qual deles é o mais indicado para o paciente que tem diabetes ?
A diferença entre diet e light está na quantidade permitida de nutrientes. No caso do produto diet, este precisa ser isento 100% de açúcar, o light deve apresentar uma diminuição mínima de 25% de nutrientes ou calorias. Outra diferença, é que o alimento light  não é, necessariamente, indicado para pessoas que apresentem algum tipo de  doença (diabetes, colesterol elevado, celíacos, fenilcetonúricos). Se, o alimento light apresentar eliminação de um determinado nutriente, por exemplo, açúcar (refrigerante light), poderá ser consumido por pessoas com diabetes. Confusão é fácil de acontecer; por isso, leia os rótulos com muita atenção. Compare os produtos light e diet com os alimentos convencionais. É muito importante verificar se eles atendem às suas necessidades.

Muitos pacientes com diabetes acreditam que apenas os medicamentos, como os hipoglicemiantes orais e insulina são suficientes, para combater a doença. Isso é verdade ?
Não. A dieta é um dos principais aliados no controle a diabetes. Sabemos que a diabetes não tem cura, mas tem tratamento, e se seguir o tratamento médico aliado a uma alimentação saudável e atividade física, com certeza seu estilo de vida melhorará muito.

E para terminar: que tipo de alimento não pode faltar na mesa de um paciente com diabetes e quais ele deve evitar ?
O que não pode faltar é salada, pois são ricas em fibras, fazendo com que temos mais saciedade evitando que os carboidratos sejam absorvidos rapidamente e evitando aumento rápido da glicemia. E o que deve ser evitado /controlado são os pães, arroz, macarrão, manteiga, margarina, embutidos, entre outros. E temos também os alimentos proibidos, que são os açúcares, doces em geral, refrigerantes, sorvetes, chocolates, bebidas alcoólicas, pães doces, entre outros.

Entrevista realizada por Matheus Malta de Sá (farmacêutico) em novembro de 2011

Leia os nossos textos sobre as diabetes:

- diabetes tipo 1

- diabetes tipo 2

- diabetes gestacional

>> Fórum diabetes

Ultimas mensagens do fórum de diabetes 

Última mensagem

Faça também SUAS PERGUNTAS NO FÓRUM DIABETES

LER TAMBEM - CRIASAUDE

PUBLICIDADE
Observação da redação: este artigo foi modificado em 17.02.2015.
Controllo di qualità
Última atualização:
17.02.2015

Revisão médica da página:
Atualização (design, fotos, animações):


Correção de sintaxe, ortografia e gramática:


Google search 2015


Loading

Quickinfos top

Temas



IMC

NOTÍCIAS

Excesso de vitamina B12 pode causar acne

Estudo recente relaciona excesso do consumo de vitamina B12 ao aparecimento da acne.

O perigo da gordura trans para a saúde

Entenda o que são as gorduras trans e o perigo que elas representam para a saúde.

_________________________

Facebook

  

______________________

    farmavagas.com.br




© Criasaude.com.br


Última atualização do site: 29.06.2015