Publicidade

Home » Plantas medicinais » Urtiga-branca

Urtiga-branca

Resumo

urtiga branca resumoPlanta medicinal com efeito adstringente, indicada principalmente em caso de corrimento vaginal (leucorréia) ou distúrbios gastrintestinais, muitas vezes apresenta como um chá ou decocção.

Nomes

Nome em português: Urtiga-branca
Nome binomial: Lamium album L.
Nome francês: lamier blanc, ortie blanche, ortie morte, ortie lavonoïdes
Nome inglês: white nettle
Nome alemão: Weiße Taubnessel
Nome italiano: Falsa ortica bianca
Nome espanhol: ortiga muerta, ortiga blanca

Publicidade

Família

Lamiaceae.

Constituintes

Glicosídeos monoterpenicos, taninos, mucilagens, flavonoides.

Partes utilizadas

Sumidades floridas (partes aéreas).

Efeitos

Adstringente, expectorante.

Indicações

Uso interno: 

– Distúrbios ginecológicos, como os corrimentos brancos ou secreções vaginais (leucorreia), bem como menstruação abundante, distúrbios gastrointestinais, como diarreia e distúrbios urinários.

Uso externo:
– Coceiras no couro cabeludo (em uso externo) como no caso de caspas.

Efeitos secundários

Nenhum conhecido.

Contra-indicações

Nenhuma conhecida.

Interações

Nenhuma conhecida.

Preparações

Infusão (30g/L – uso interno)

Decocção (50g/L – uso externo)

Onde cresce a urtiga-branca ?

A urtiga-branca cresce principalmente na Europa e na Ásia.
A urtiga-branca atinge uma altura entre 20 e 80 cm. É uma planta perene, ou seja, pode viver vários anos.
Na Europa, a floração da urtiga-branca geralmente ocorre de abril a novembro.

Quando colher ?

Recomenda-se que se colham as sumidades floridas no verão. As extremidades podem ser colhidas antes da floração e utilizadas na culinária como salada. Não confunda a urtiga-branca com a urtiga, uma diferença importante é que a urtiga-branca tem flores brancas, este não é o caso da urtiga.

A urtiga-branca não tem pelos urticantes, como é o caso da urtiga.
Mais, a urtiga-branca geralmente cresce na sombra da urtiga.

Observações

– Recomenda-se que se colham as sumidades floridas no verão. As extremidades podem ser colhidas antes da floração e utilizadas na culinária como salada.

– Existem outras espécies de lâmio além da urtiga-branca (Lamium album). Essas espécies geralmente tem uma cor diferente do branco, como: lâmio roxo (Lamium pupureum), arcanjo amarelo (Lamium galeobdolon), lâmio maculado (Lamium maculatum) e lâmio violeta (Lamium amplexicaule). Estas diferentes espécies de lâmio muitas vezes têm um sabor diferente e essas plantas podem ser consumidas como vegetais.

Foto

urtiga-branca2

Esta informação foi útil?

Observação da redação: este artigo foi modificado em 03.05.2021

Publicidade