Publicidade

Home » Plantas medicinais » Cinchona

Cinchona

Resumo

CinchonaCinchona : planta medicinal rica em quinina, indicada em casos de malária e febre, é muitas vezes encontrada na forma de pó.

Nomes

Nome em português: Cinchona, quina, quinino, cinchona-vermelha, casca-peruana, casca-dos-jesuítas, Quina-do-Amazonas.
Nome binomial: Cinchona pubescens
Nome francês: Quinquina, écorce rouge du Pérou, quinquina gris
Nome inglês: cinchona, quinine
Nome alemão: Chinarindenbäume
Nome italiano: –

Publicidade

Família

Rubiaceae

Constituintes

Alcaloides: quinina, quinidina; compostos fenólicos e antraquinonas.

Partes utilizadas

Casca

Efeitos

Antimalárico e tônico.

Indicações

– Malária (paludismo)

– Febre

– Gripe

– Fadiga

– Excesso de peso e obesidade (efeito possível)

– Cãibras musculares e contusões.

Cinchona

Efeitos secundários

Por favor, leia a bula.

Contra-indicações

Pergunte ao seu farmacêutico e leia a bula.

Interações

Por favor, leia a bula.

Preparações

– Pó ou cápsula de cinchona

– Decocção da casca de cinchona

Onde cresce a cinchona ?

A cinchona é originária da América do Sul, principalmente do Peru e Equador. Esta planta também cresce em outros continentes, como África e Ásia.

Observações interessantes

A quinina, extraída a partir da casca da cinchona, é um importante antimalárico. É utilizada principalmente em casos de crises febris. A quinina pode ser uma alternativa aos antimaláricos convencionais (ex. Mefloquina ou Nivaquine), uma vez existem casos de resistência a esses medicamentos com uma certa frequência. Até o final da década de 30, a quinina extraída da árvore cinchona, era o único medicamento capaz de lutar contra a malária.

Cinchona

A quinina também é utilizada em cosméticos, como xampu.

Existem várias espécies de cinchona. Estes arbustos geralmente medem de 5 a 15 metros de altura.

Esta informação foi útil?

Observação da redação: este artigo foi modificado em 03.05.2021

Publicidade