Publicidade

Albendazol

Nome da molécula;
Albendazol, Albendazolum PhEur

Publicidade

Observação: o albendazol possui um metabólito ativo, o sulfóxido de albendazol.

Formula da molécula do albendazol:
C12H15N3O2S

Tempo de meia-vida:
O tempo de meia-vida do metabólito ativo, sulfóxido de albendazol, é de 6 à 15 h.

Efeitos – indicações

Efeitos:
O albendazol age principalmente devido a um metabólito ativo: sulfóxido de albendazol. Este último age ligando-se a beta-tubulinas das células dos vermes ou parasitas, bloqueando a ligação celular com microtúbulos. O que causa, por consequência, um bloqueio principalmente da divisão celular e a morte do parasita ou verme. A afinidade do sulfóxido de albendazol é muito maior contra microtúbulos de vermes ou parasitas do que contra células humanas.

Indicações:
Contra muitos vermes intestinais, especialmente os difundidos na Europa.
Vermes redondos

O albendazol atua principalmente contra os vermes redondos como as lombrigas (Ascaris lumbricoides), os oxiuros (Enterobius vermicularis), Trichuris trichiura, Strongyloides stercoralis, Necator americanus ou Larva migrans cutanea.

Vermes chatos
O albendazol também pode agir contra vermes chatos, como Clonorchis sinensis ou Opisthorchis viverrini (da espécie trematódeo).

Tênias
As tênias aparecem como uma de várias parasitoses causadas ​​por nematóides. O albendazol não deve ser usado em casos com presença de tênia unicamente, mas deve ser utilizado em casos de infecção por nematóides em conjunto com uma infestação por tênia, como revela o site pharmawiki.ch em alemão.
Indicado contra Taenia solium, Taenia saginata e Hymenolepis nana.

Protozoários
Contra infecções de protozoários como Giardia lamblia em crianças.

Efeitos adversos

Os principais efeitos adversos do albendazol são do tipo gastrointestinal, como dor de barriga, náuseas ou diarréia. Raramente causa dores de cabeça ou tontura.

Para mais informações e a lista completa dos efeitos adversos, consulte a bula do medicamento e peça orientação do seu médico ou farmacêutico.

Contraindicações

Gravidez (especialmente no primeiro trimestre), mulheres em idade fértil que podem estar grávidas, reação de hipersensibilidade (alergia).

Um efeito teratogênico foi constatado em ensaios clínicos com animais.

Para mais informações e a lista completa das contraindicações, consulte a bula do medicamento.

Interações

Praziquantel, dexametasona, cimetidina.

Para mais informações, consulte a bula do medicamento.

De que forma (formas farmacêuticas)?

O albendazol está comercialmente disponível na forma de comprimidos mastigáveis (400 mg) e suspensões (4%, 400 mg / 10 ml).

Observações

– O medicamento entrou no mercado suíço em março de 1993. Foi autorizado pela FDA americana em 1996.

– O albendazol pode ser administrado a crianças a partir de 1 ano de idade.

Fontes & Refências: 
Fontes: 
Pharmawiki.ch
Referências e literatura:
“100 wichtige Medikamente” – Infomed (2020).

Créditos das fotos /Adobe Stock :
Fotolia.com

Redação: 
Xavier Gruffat (farmacêutico suíço)

Última atualização: 
11.05.2020

Esta informação foi útil?

Observação da redação: este artigo foi modificado em 11.05.2020

Publicidade