Brasil França Portugal Espanha Suiça francesa Suiça alemã Suiça italiana Italia
TwitterCriasaude no TwitterErrorAviso de errosPrintImprimir

Caspa

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Resumo sobre caspa (dermatite seborreica)

caspaAs caspas são finas escamas brancas que provêm do couro cabeludo. Elas podem ser de dois tipos: caspa seca ou oleosa. As secas estão mais relacionadas com uma aceleração da regeneração das células do couro cabeludo. Já as oleosas podem estar relacionas com uma dermatite seborréica, psoríase ou alta proliferação de fungos.

Outros fatores como estresse, ansiedade, banho muito quente, idade e sexo também estão relacionados. Os homens são geralmente mais afetados do que as mulheres.

Aproximadamente 1 a 3% dos adultos e 10% dos bebês com menos de 1 mês de idade, sofrem de caspa ou dermatite seborreica.

A caspa seca é caracterizada pelo surgimento de pequenas escamas brancas e é acompanhada por cabelos óleos. Já a caspa oleosa apresenta menos queda de escamas brancas, cabelos óleos, vermelhidão, com ou sem coiceira. Ambas tendem a piorar com o frio ou durante inverno seco.

As caspas podem regredir naturalmente, principalmente em bebês menores de 1 mês de vida. No caso dos adultos, a caspa geralmente é uma condição crônica e muitas vezes são necessários longos tratamentos.

O tratamento da caspa é feito com xampus anti-caspa ou antifúngicos, existem diversos tipos com efetividade parecida, caso um xampu não esteja funcionando para você procure outro com diferente princípio ativo. O xampu deve ser deixado entre 5 a 10 minutos no cabelo antes de enxaguar e deve ser remo vido completamente do cabelo.

caspa plantas

Lavar frequentemente os cabelos com xampus para cabelos oleosos piora o problema, pois isso estimula as glândulas sebáceas, que secretam ainda mais sebo. É melhor, portanto, alternar xampus para cabelos oleosos e xampus suaves. Caso a caspa persista, consulte um médico, pois ele poderá prescrever pomadas/cremes a base de corticóides ou xampus antifúngicos.

Caso você prefira alternativas naturais, existem xampus a base de plantas como a mirra, o eucalipto, a tussilagem e o alcatrão que podem auxiliar no tratamento.

Procure um médico caso o couro cabeludo estiver avermelhado, com muita coceira ou se a caspa surgir em outras partes do corpo, pois nestes casos a caspa pode estar associada a outras doenças.

Para prevenir a caspa, evite lavar demais os cabelos, principalmente com água muito quente, não durma com cabelo molhado, mantenha uma alimentação saudável e utilize xampu anti-caspa ou antifúngico algumas vezes por mês mesmo sem sintomas.

Definição

As caspas são finas escamas brancas que provêm do couro cabeludo.

Elas são o sinal de uma micose no couro cabeludo, mas não são contagiosas. É importante saber que os homens possuem maior tendência a ter caspa do que as mulheres, pois eles produzem naturalmente mais sebo.

Distinguimos dois tipos de caspa:

- a caspa seca: devida a uma aceleração da regeneração das células do couro cabeludo. Falamos em caspas secas quando estas são muito finas e se destacam facilmente.

- a caspa oleosa: trata-se de uma dermatite seborréica moderada, onde há produção de excesso de sebo (óleo) nos cabelos. Encontramos este tipo de caspa durante a infância (geralmente melhora até os 8 ou 12 meses de idade) e em cabelos oleosos de todas as idades. Elas são fáceis de serem reconhecidas, pois elas são amarelas e colam no crânio.

Em adultos, a dermatite seborréica é uma condição crônica e geralmente necessita longos tratamentos, diferente dos casos em crianças que geralmente regridem sem tratamento assim que a criança atinge entre 8 e 12 meses de idade.

Causas

A principal causa do aparecimento das caspas é o uso muito frequente de xampus detergentes, que não somente deixam os cabelos oleosos, mas também irritam o couro cabeludo.

Aliás, as pessoas que possuem pele seca, estão mais expostas a esse tipo de problema.

Em certos casos, o aparecimento de caspas é causado por uma doença de pele, como a dermatite seborréica, eczemas ou a psoríase.

A queda de caspas é igualmente freqüente em momentos de estresse ou ansiedade e mudanças hormonais, sobretudo nos homens.

Doenças neurológicas, como doença de Parkinson, aumentam o risco de desenvolver dermatite seborréica.

O fungo do gênero Malassezia pode estar relacionado com a presença da caspa. Este fungo esta presente naturalmente no couro cabeludo, mas algumas vezes se prolifera mais. Estudos não demonstraram relação entre o aumento da população de Melassezia e o surgimento da caspa, mas pessoas com caspa fraquentemente possuiem sua proliferação exacerbada.

Sintomas

No que diz respeito à caspa seca, podemos observá-la nos ombros, ou no revés das roupas, em forma de pequenas escamas brancas, o que é não é estético.

A caspa oleosa não é sempre tão notada, mas provoca coceira e irritações no couro cabeludo.

Em ambos os casos, a queda de caspas é sempre acompanhada de cabelos oleosos e tende a piorar com o frio ou durante inverno seco.

A dermatite seborréica em crianças causa vermelhidão, diferentes escalas de oleosidade, descamação da pele e geralmente não causa coceira. Além do couro cabeludo, pode afetar outras áreas, como: face, orelhas, pescoço e dobras da pele.

A dermatite seborréica em adultos causa vermelhidão, oleosidade, descamação da pele e coceira. Em homens é comum afetar não só o couro cabeludo como também a barba. Outras áreas afetadas pela dermatite seborréica: orelhas, face, sobrancelhas e nariz.

Ver também em definição, para compreender a diferença entre caspa seca e oleosa.

Foto: © adam88xx Fotolia.com

Tratamento

A caspa seca aparece seguida a uma aceleração da regeneração das células. Para curá-la, basta normalizar esta regeneração com a ajuda de xampus específicos.

Obs: é aconselhado alternar lavagens com xampus específicos e xampus para o uso diário.

Os tratamentos contra a caspa oleosa são muito parecidos. Estas são causadas por um excesso de sebo, consequentemente, é necessário normalizar esta secreção com o auxílio de xampus especiais para cabelos oleosos.

Por vezes, no entanto, a caspa oleosa é causada por crescimento excessivo de um fungo. Neste caso, utilize xampus antifúngicos, à venda nas farmácias locais.

Obs: Lavar frequentemente os cabelos com xampus para cabelos oleosos piora o problema pois isso estimula as glândulas sebáceas, que secretam ainda mais sebo. É melhor, portanto, alternar xampus para cabelos oleosos e xampus suaves.

A dermatite seborréica em crianças geralmente melhora sem tratamento dentro de semanas ou meses. Em alguns casos é necessário tratamento: utilizar xampu para bebês e gentilmente remover a pele descamante com uma esponja macia, também é possível aplicar óleo para bebê para remover a pele descamante e depois passar o xampu.

Caso persista, consulte um médico, pois ele poderá prescrever pomadas/cremes a base de corticóides ou xampus antifúngicos.

A dermatite seborréica em adultos, por ser uma condição crônica, geralmente requer longos tratamentos, como: xampus anti-caspa ou antifúngicos, que geralmente são eficazes após 5 semanas de tratamento.

O xampu deve ser deixado entre 5 a 10 minutos no cabelo antes de enxaguar e deve ser remo vido completamente do cabelo.

Caso persista, consulte um médico, pois ele poderá prescrever pomadas/cremes a base de corticóides ou xampus antifúngicos.

Tratamentos naturais

Existem xampus a base de plantas que auxiliam no tratamento da caspa. Xampus a base de plantas como a mirra, o eucalipto ou a tussilagem e o alcatrão. Para maiores informações sobre a posologia, peça conselhos ao seu médico ou farmacêutico.

O xampu de alcatrão possui alguns inconvenientes, como forte odor e manchar cabelos descoloridos.

O óleo de Melaleuca (Tea tree oil) também pode ser utilizado para combater as caspas. Este óleo é extraído de uma planta Australiana e possui alguns estudos que indicam usa ação contra a caspa.

Dicas

- Se nada for utilizado para interromper a caspa, em longo prazo ela pode provocar uma inflamação (com conseqüências médicas), portanto é importante buscar um tratamento com rapidez.

- Quando o couro cabelo estiver avermelhado ou com muita coceira, é preferível consultar um médico.

- Se as caspas se formarem não somente na cabeça, mas também no corpo, é necessário consultar um médico imediatamente.

- As pessoas que possuem uma pele seca devem evitar lavar demais os cabelos no inverno.

- Para tratar o couro cabeludo, é importante adotar uma alimentação sadia e utilizar xampus suaves.

- Mesmo caso não apresente mais caspa, recomendamos que utilize xampu anti-caspa ou antifúngico algumas vezes por mês, para prevenir novos casos.

- Não leve os cabelos com água muito quente.

- Não durma com cabelos molhados ou úmidos.

- A exposição ao sol pode ajudar a reduzir a caspa. Atenção, o sol pode ser prejudicial para a pele (risco de câncer), então você deve se expor moderadamente e aplicar protetor solar. Pergunte ao seu médico para obter mais informações.

- Use a menor quantidade de produtos para o cabelo, como gel, spray de cabelo, mousse, etc. Com o uso destes produtos, o seu cabelo pode se tornar oleoso, uma fonte de caspa.

Ultimas mensagens do fórum caspa

Última mensagem

  • Caspa fiz uma selagem (19.05.2014)

      fiz uma selagem,e após alguns dias começaram a descamar o couro cabeludo.sera que houve uma queimadura ou simplesmente se transformou em um problema de caspa?me ajude por favor,preciso usar algo que elimine isso. obrigado.
  • Ferida no couro cabeludo (15.02.2014)

    ola, minha filha tem umas feridas que sai na cabeça e cria pus, ja levei ao médico e receitam medicamentos, dou, passa e algum tempo volta de novo, gostaria de saber o uqe posso faser
  • Ajuda para me livrar da seborreia (03.02.2014)

    ola,gostaria de alguma dica caseira ou algum remedio eficaz contra seborreia vcs poderiam me ajudar? o q faço pra diminuir oleo de azeite é bom ou causa mais ainda! obrigada.

Faça também SUAS PERGUNTAS NO FÓRUM CASPA 

LER TAMBEM - CRIASAUDE

PUBLICIDADE
Observação da redação: este artigo foi modificado em 15.06.2015.
Controllo di qualità
Última atualização:
15.06.2015

Revisão médica da página:
Atualização (design, fotos, animações):


Correção de sintaxe, ortografia e gramática:


Ver também

Google search 2015


Loading

Quickinfos top

Temas



IMC

NOTÍCIAS

Excesso de vitamina B12 pode causar acne

Estudo recente relaciona excesso do consumo de vitamina B12 ao aparecimento da acne.

O perigo da gordura trans para a saúde

Entenda o que são as gorduras trans e o perigo que elas representam para a saúde.

_________________________

Facebook

  

______________________

    farmavagas.com.br




© Criasaude.com.br


Última atualização do site: 01.07.2015