Home » Remédios caseiros » Infusão de camomila

Infusão de camomila

Uso

– Problemas digestivos (úlceras e acidez, náusea e vômito, gastroenterite, cólica infantil), calafrios, insônia, nervosismo, cólicas menstruais, alergia, febre do feno (alergia à pólen), câncer (possível efeito, ler nas Observações abaixo),


– Inflamações e úlceras na boca (utilizar em gargarejos, ler a Posologia a seguir)

Infusão de camomila uso

Ingredientes

Para uma xícara de infusão de camomila use:

– 1 colher de sopa de flores secas de camomila.

– Cerca de 200 mL de água

Flores frescas de camomila
Você também pode utilizar flores frescas de camomila, utilizar cerca de 2 colheres de sopa de flores de camomila colhidas na hora.

Recomenda-se utilizar flores de camomila recentemente colhidas, dentro de 24 horas. Se você quer manter por vários dias, você pode colocá-las no freezer em um saco plástico junto com uma toalha de papel (papel toalha) levemente umedecida.

Observações:

– Para um efeito mais forte, especialmente contra distúrbios do sono, você pode triplicar a dose, assim usar 3 colheres de sopa ou 3 saches (disponível em farmácias) de flores secas de camomila. Veja também em Preparação a seguir.

Preparacion

– Ferva a água e adicione-a às flores de camomila.

Infusão de camomila preparacion

– Deixe em infusão por cerca de dez minutos (para obter uma dose eficaz em substâncias ativas)

Nota : Afim de obter uma maior concentração de ingredientes ativos (por exemplo, pelo seu efeito calmante, contra distúrbios do sono), é possível colocar uma pequena placa ou tampa sobre o copo imediatamente após o início da infusão, de modo que os ingredientes ativos evaporem.

Observações sobre a utilização da camomila

– A infusão de flores frescas de camomila é menos amarga e mais doce do que a preparada com flores secas. Com as flores frescas você pode sentir um gosto semelhante ao de maçã e frutado.

– Para melhorar o sabor, você pode adicionar um raminho de hortelã na preparação desta infusão.

Posologia

– Em casos de distúrbios digestivos, beber o chá de flores de camomila-romana várias vezes ao dia, se possível 30 min. antes das refeições.

– Na forma de gargarejo, em caso de inflamação ou úlceras na boca.

–  No caso de sono, beber chá de ervas 20 minutos antes de ir para a cama (se necessário, triplicar a dose de camomila para um efeito mais forte e cubra com tampa durante a infusão, ver em Ingredientes e Preparação).

Efeitos secundários
Risco de reação alérgica. Em caso de superdose: insônia, náuseas.

Contra-indicações
Alergia à camomila (mas sobretudo ao óleo essencial).

Notas

– Estudos científicos provaram parcialmente o efeito calmante e sonífero da camomila. Por isso, para  essa indicação, é preferível a utilização de uma dose maior de camomila (3 colheres de sopa ou 3 sachês) e cobrir com uma tampa a infusão por 10 minutos (ver em Preparação).

– No México, o chá de camomila é usado frequentemente em problemas digestivos, como: cólicas, gastroenterite, espasmos e diarreia.

– Em Junho de 2015, um estudo realizado com Americanos nativos ou de descendência mexicana com idade superior a 65 anos, mostrou que o consumo regular de chá de camomila levou a uma redução na mortalidade entre as mulheres. No entanto, os pesquisadores da University of Texas Medical Branch, que conduziram este estudo, não encontraram uma redução na mortalidade entre os homens que consomem camomila. Os cientistas não sabem a origem desta diferença, uma hipótese decorre do fato de que as mulheres consomem o chá de camomila com mais regularidade do que os homens.


– Em um pequeno estudo grego publicado em abril de 2015 na revista European Journal of Public Health, o consumo regular de chá de camomila foi correlacionada com uma diminuição do risco de câncer de tireoide. Atualmente os pesquisadores não possuem condições de afirmar claramente que o chá de camomila apresenta um efeito na prevenção do câncer da tireoide, mas é possível observar uma correlação. Em outras palavras, as pessoas que consomem chá de camomila durante um longo período tiveram um risco menor de desenvolver esse tipo de câncer.

A camomila, combinada com a dieta mediterrânea, pode ser a causa desta diminuição do risco de câncer. O estudo constatou que o consumo de chá de sálvia também levou a uma diminuição do risco de câncer, mas não tanto quanto o chá de camomila. Na Grécia, cerca de 1,6 pessoas em 100.000 habitantes são diagnosticadas com câncer de tireoide a cada ano, contra 13,2 pessoas nos Estados Unidos e 5,2 pessoas na Europa, por 100.000 habitantes. Os flavonoides, encontrados no chá de camomila, podem estar por trás deste efeito protetor contra o câncer.

Ler também:
Observação da redação: este artigo foi modificado em 25.08.2016
Ler também: