Publicidade

Home » Plantas medicinais » Urtiga (raiz)

Urtiga (raiz)

Resumo

 Raiz de urtiga resumoPlanta medicinal utilizada em uso interno contra a hiperplasia benigna da próstata, pode ser encontrada em comprimidos, cápsulas ou infusão.

Publicidade

Nomes

Nome em português: urtiga (raiz de urtiga), urtiga-brava, urtigão, urtiga-maior
Nome binomial: Urtica dioica ou Urtica urens
Nome francês: (Grande) Ortie, racine d’ortie
Nome inglês: Nettle Root
Nome alemão: BrennesselBrennesselwurzel
Nome italiano: ortica

Família

Urticaceae

Constituintes

– Flavonoides
– Aminas
– Minerais como cálcio, ferro, magnésio, etc.
– Ácido silícico
– Proteínas (estima-se que 40% do peso seco da urtiga são proteínas, mais do que a soja e a mesma quantidade do que em carnes)
– Vitamina C
– Fibras (em particular os caules)

Partes utilizadas

Raízes

Ler também: folha de urtica

Indicações

Indicações da raiz de urtiga

Contra os distúrbios da micção, em caso de hiperplasia benigna da próstata (estágio I e II).

Efeitos secundários

Possíveis distúrbios gastrointestinais. Queira ler a bula dos medicamentos e pedir orientações a um especialista.

Contra-indicações

Queira ler a bula dos medicamentos e pedir orientações a um especialista.

Interações

Desconhecemos

Preparações à base de raiz de urtiga

– Cápsulas de urtiga

– Comprimido de urtiga

– Infusão de raiz de urtiga

Onde cresce a urtiga?

A urtiga cresce no mundo inteiro, principalmente em países com clima temperado. Ela é originária da Europa e Ásia.
Esta é uma planta perene, ou seja, ele pode viver por vários anos.
A urtiga mede entre 30 a 150 cm de altura.
Esta planta pode viver nos Alpes em até 2500m de altitude.

Quando colher a urtiga?

As folhas de urtiga são colhidas de preferência na primavera. As raízes são colhidas no outono. Na Europa a floração da urtiga geralmente ocorre entre junho e outubro.

Observações

– Durante distúrbios ao urinar em casos de hiperplasia prostática benigna (estágio I e II), extratos feitos de raízes de urtiga são frequentemente utilizados. No entanto, em uma edição especial de julho de 2020 da revista francesa Science & Vie publicada sobre plantas medicinais, que estudou a eficácia de 77 plantas medicinais, a raiz de urtiga foi considerada uma planta de eficácia improvável em casos de hiperplasia benigna da próstata. Para chegar a essa conclusão, a revista francesa baseou-se em uma análise de 2012 do Comitê europeu de medicamentos a base de plantas, na qual afirmou que a raiz de urtiga tinha um uso tradicional, mas não uma eficácia “bem estabelecida” que seria a prova de certa eficácia.

– O efeito urtigante da urtiga é proveniente do ácido fórmico e da histamina que são encontrados nos pelos ao nível das folhas e dos caules. Quando as folhas e caules são quebrados, estas moléculas são libertadas dos pelos e causam queimaduras e coceiras particulares da urtiga. Note que a urtiga seca não causa queimação ou coceira.

– O nome do gênero Urtica, do nome científico Urtica dioica, vem do latim urere e significa “queimar”. De fato, as folhas frescas de urtiga podem causar dores e inflamação na pele.

– A urtiga-branca, que é muito parecida com a urtiga, mas não coçar. Esta é uma maneira de diferenciá-las.

Ler também: folha de urtica

Fontes & Referências:  
Literatura sobre plantas medicinais, Science & Vie.

Redação:
Por Xavier Gruffat (farmacêutico)

Fotos: 
Adobe Stock/Fotolia, Criasaude.com.br

Atualização:
Este artigo foi modificado em 15.12.2020

Foto

Raiz de urtiga fitoterapia

Esta informação foi útil?

Observação da redação: este artigo foi modificado em 03.05.2021

Publicidade