Gel de aloe vera (babosa) | Criasaude
Home » Remédios caseiros » Gel de aloe vera (babosa)

Gel de aloe vera (babosa)

Uso

Câncer de peleUma forma natural de tratar e acalmar queimaduras solares ou queimaduras de primeiro grau, muitas vezes indicado em casos de ferimentos (por exemplo, depois de passar a lâmina de barbear). Para tratar bolhas. Contra eczemas (incluindo urticária, dermatite atópica, irritações). Contra a psoríase. Em caso de pele seca. Em casos de cicatriz. Contra aftas. Em casos de calos e calosidades.
Mais informações sobre o uso de acordo com cada doença em Posologia (abaixo).

Ingredientes

– Planta de aloe vera (babosa), à venda em inúmeros comércios.

Também é uma planta fácil de ser cultivada em casa.

Preparação

– Corte, de preferência no sentido do comprimento (não como na foto!), uma folha de aloe vera.

– Extraia ogel que for liberado.

Posologia

– No caso de queimaduras solares, queimaduras ou feridas leves (por exemplo, após passar a lâmina de barbear), aplique o gel de aloe diretamente na área afetada. Repita a aplicação, se necessário, várias vezes ao dia. Leia também abaixo uma receita especial à base de Aloe para casos de queimaduras.
– No caso de bolhas, aplicar o gel fresco diretamente sobre a área dolorida e cubra com uma bandagem ou uma gaze.
– Em caso de eczema, aplicar diretamente sobre a área afetada, use se possível o gel fresco de aloe (porque as preparações vendidas no comércio muitas vezes contêm álcool que pode ressecar).
– Em caso de psoríase, aplicar o gel de aloe fresco várias vezes ao dia na área afetada por esta doença dermatológica. Aplicar até obter alívio.
– Em caso de pele seca, aplicar o gel de aloe diretamente na área afetada.
– Em caso de cicatriz, aplicar o gel de aloe vera várias vezes ao dia diretamente sobre a cicatriz.
– Contra aftas, aplicar um pouco de gel de aloe diretamente nas aftas usando um cotonete. Repita a aplicação várias vezes ao dia, até que a dor desapareça. A aloe ajuda a reduzir a dor em casos de afta.
– Contra calos e calosidades, aplique o gel de aloe diretamente na área afetada, em seguida, cubra com uma bandagem ou gaze e deixe durante a noite.

Observações:
– O gel de aloé vera contém aproximadamente 90 % de água. O resto é à base de aminoácidos, vitaminas (A, C e E) e outros nutrientes.

Gel de aloe vera posologia– No comércio, encontramos gel à base de aloé vera, mas é fundamental saber que esse gel é ainda mais eficaz se utilizado fresco, como neste remédio.

– Alguns especialistas recomendam a manutenção de fatias ou pedaços de aloe no congelador. A Aloe congelada faz com que tenha, além do efeito da própria planta, um efeito analgésico em casos de queimadura.

– As folhas da aloe não têm uma boa conservação, cerca de duas a três semanas na geladeira, por isso é melhor cortar a folha que você precisa na hora ou colocar no congelador.

– Para extrair o gel, corte a folha da aloe na base da planta.

– Contra a queimadura solar, utilize um gel de aloe vera bem gelado, conserve ou armazene este gel na geladeira. Esfregue sobre a pele afetada pelas queimaduras solares a cada 2 ou 3 horas.

Receita especial em casos de queimaduras:

Ingredientes:

– 60g de folhas de babosa (Aloe vera)

– 1g de vitamina C em pó

– 800 UI de vitamina E na forma oleosa (por exemplo: a venda em cápsula nas farmácias, para extrair cerca de 800 UI de óleo de vitamina E das cápsulas, peça conselhos ao seu farmacêutico).

– algumas gotas de óleo essencial de lavanda

Receita:

– Retire a casca da babosa, cortando-a em fatias.

– Coloque no liquidificador todos os ingredientes.

– Misture

– Mantenha a mistura em um recipiente limpo e fechado na geladeira

Esta mistura se conserva por aproximadamente 2 meses

Dosagem:
Aplique esta mistura várias vezes ao dia nas queimaduras (de 1º grau).


Observação da redação: este artigo foi modificado em 22.10.2018